O PODER DO PERDÃO

Sabias que uma semana tem 602800 segundos?Sabias que o tempo que te custa a magoares é de 20 segundos? Por que razão eternizas estes últimos segundos em minutos, horas, dias e até meses? Se tivesses 602800 euros na tua conta do banco e te desaparecessem 20 euros, ias gastar todo o teu dinheiro até encontrares os 20 euros que te faltam? Se a tua resposta é sim, então este texto não é para ti. Se a tua resposta é não, continua, pois estás próximo de descobrir o poder do perdão.

Quando responsabilizas o outro por te teres magoado estás a dar-lhe esse poder. Dói muito quando nos magoamos, mas nós temos o poder de decidir quanto tempo devemos permitir ressentimento, sofrimento e amargura na tua vida. Viver as tuas feriadas apenas dá poder à outra pessoa. Já o perdão, permite-te recuperares o teu poder sobre o outro, mas sobretudo, sobre ti!

A nossa vida torna-se tão mais simples quando perdoamos aqueles que nos magoaram. Somos mais felizes quando podemos deixar de lado as pequenas frustrações e deceções da vida. No entanto, quando se trata de situações profundamente dolorosas, é mais difícil colocar em prática esta ideia. E por isso é que é tão importante aplicarmos estratégias que nos podem ajudar a atenuar a dor e, posteriormente, a perdoar.

1.CONECTA-TE COM AS TUAS EMOÇÕES

O primeiro passo para conseguires perdoar é permitires-te sentir. Neste primeiro passo para o perdão vais chorar, ter raiva, sentir ressentimento, julgar e teres muita pena de ti. É preciso que tudo aconteça para que te libertes de toda a energia negativa que deixaste que se acumulasse em ti.

Para te conectares com as tuas emoções é importante que encontres um lugar tranquilo fora de casa. Um passeio pela praia ou pela natureza são exemplos de espaços onde te podes voltar a encontrar e a sentir as tuas emoções.

Reflecte e interioriza quem e o que te magoou. Aceita que isso aconteceu. Aceita como te fez sentir e como isso te fez reagir. Para perdoares, precisas reconhecer a realidade do que ocorreu e como foi afectado.

2.LIBERTA-TE DO PASSADO

Há medida que te vais conectando com as tuas emoções vais aprender a libertar-te do passado. Permite-te que isso aconteça, para seguires em frente é necessário que evites reviver o que magoou. Não ignores quando esses sentimentos te invadem, mas não vás à procura deles. Quando isso acontecer, concentra-te no momento presente.

Reviveres tudo o que se passou vai limitar-te a avançares em frente.

A última coisa que podes querer no momento, é demonstrar compaixão, mas pratica-a. Todos nós tivemos experiências e passados diferentes. Todos nós carregamos essa bagagem. Foi ela que nos moldou àquilo que somos hoje. Por isso, demonstra compaixão por quem te magoou, decerto que não tem a clara consciência dos danos causou.

À medida que te vais libertando o e do passado, vais também aprender a voltar a criar empatia pelo outro.

 

3.PERDOA

Perdoar não é esquecer. Perdoar é aceitarmos a realidade. É sabermos que, apesar de tudo, conseguimos transformar a mágoa em Amor e se soubermos viver em e com Amor somos muito mais felizes. Perdoar é aprendermos a enviar luz e amor a quem nos magoou, ao invés de energias menos positivas como fizemos ao início.

Perdoar é não voltar ao passado. Perdoar é desistir da ideia de mágoa, dor, frustração, culpabilidade e tristeza. Perdoar é transformar os nossos sentimentos mais duros em sentimentos positivos e de Amor.

O processo de perdão é um processo moroso e doloroso, mas é um dos mais bonitos processos de autoconhecimento. É aqui que lidamos com o nosso lado mais sombrio e descobrimos o nosso lado mais bonito, após o perdão.

Ferramentas como o Eneagrama permitem-nos acelerar os processos de autoconhecimento e, como consequência, entender melhor o outro estando sempre abertos às diferentes realidades, vivências e experiências.

—-

Se sentes que o teu caminho passa pelo Eneagrama este é o sinal que precisas para dares o primeiro passo.

Em breve haverá uma nova turma de Certificação Eneacoaching 2.0 onde vais descobrir o poder não só do perdão, mas do autoconhecimento e do conhecimento sobre o outro.

Clica aqui para garantires a tua inscrição.

Vemos-nos nas aulas, até breve!

SE GOSTOU, PARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp
Share on skype
Share on print