O mapa das relações

Bem-vindos ao mapa que mudou a minha vida! É assim que o defino, mas não foi sempre assim. A primeira vez que tive contacto com este código achei que era demasiado bom e fui muito resistente em conhecê-lo. No momento, em que decidi dar uma oportunidade, acredita: a minha vida mudou por completo! Mudaram as relações no trabalho, as relações interpessoais e a relação comigo mesmo.

 

Por isso, se numa primeira instância achares que este mapa é bom demais para ser verdade: junta-te a mim. Eu senti exactamente o mesmo quando pela primeira vez me foi apresentado este mapa.

 

No final, deixa nos comentários, as tuas dúvidas e perguntas que eu vou responder a tudo!

 

O ENEAGRAMA

A palavra eneagrama tem origem no Grego e quer dizer “mapa de nove pontos”. Estes pontos estão numerados (perfis) e têm ligações entre si. Na imagem, podes verificar que o 1 está relacionado com o 7 e com o 4 mas que o 7 e 0 4 têm outras ligações para além do 1. Cada número está relacionado com um perfil.

 

Quando falamos sobre personalidade, existe uma grande tendência para as pessoas compararem o eneagrama com outras ferramentas que testam o comportamento. O Eneagrama é, na prática, uma ferramenta de conhecimento, de crescimento. É uma ferramenta que vai muito para além de um momento estático comportamental. Porquê? Porque o eneagrama trabalha sobre motivações base da pessoa.

 

Se nunca tiveste contacto com os 9 perfis do Eneagrama, vou partilhar um mini resumo sobre cada um deles. Se quiseres saber qual o teu perfil, convido-te a fazeres o teste do eneagrama e a descobrires mais sobre ti.

 

 

TIPO 1 – O Perfecionista

 

Todos nós temos um perfeccionista perto de nós. O perfeccionista vai muito para além da definição comum de “uma pessoa rígida que gosta de ter tudo organizado”. O tipo 1 acredita que para ser amado, respeitado e aceite tem que ser perfeito. Ser perfeito é algum muito exigente, pois, por norma tende a estar permanentemente em crítica das outras pessoas, em auto- critica. Metaforicamente: o tipo 1 está dentro da barriga da mãe e sente uma sensação total de serenidade, equilíbrio e harmonia. De repente, nasce e acha que o mundo está imperfeito. A sensação que tinha na barriga da mãe não é a mesma que sente cá fora. O desejo inconsciente do Perfeccionista, ainda que possa não fazer muito sentido, é que ele aperfeiçoe o mundo de tal forma à sua volta que, por fim, possa sentir toda a serenidade que sentia na barriga da mãe. Se esta sensação de serenidade é tão importante para o tipo 1, ele prepara-se todos os dias de manhã para não só ele estar perfeito mas também o mundo à sua volta.

 

Gestos: a personalidade tipo 1 tendem a ter os dentes muito serrados, a mexerem muito nas mãos ou tendem a ter os músculos do trapézio muito tensos.

 

Talentos: organização, método, repetição, melhoria contínua, rigor.

 

Defeitos: inflexibilidade, tenso, exigente com as pessoas mais próximas.

 

 

TIPO 2 – O Prestativo

 

O tipo 2 acredita que para ser amado, respeitado e aceite deve ter que ajudar as outras pessoas. O prestativo é aquela pessoa que nos pergunta sempre “então, o que é que se passa?” e nós respondemos “não se passa nada” e ele insiste. De repente parece que esta pessoa tem uma capacidade incrível de perceber o que estamos a sentir e tirar de nós essa mesma capacidade. Esta é uma capacidade emocional. O prestativo acredita que todos nos devemos ajudar, mas muitas vezes utiliza tanto o seu tempo a ajudar os outros que se esquece dele próprio. O equilíbrio entre o eu e o outro é extremamente importante para o tipo 2.

 

Talentos: empatia, gosto por ajudar, disponibilidade para o outro

 

Defeitos: têm dificuldade em dizer “não.”

 

 

TIPO 3 – O Motivador

 

O motivador tem uma grande preocupação no sucesso e no reconhecimento. Ele acredita que para ser amado, respeitado e aceite ele tem que ser reconhecido. É aquele tipo de pessoa que precisa de estar a ser valorizado constantemente “se fosse eu isto não funcionava”. É uma espécie de “eu ajudo, mas o que eu quero em troca é que tu valides o meu trabalho”. Do ponto de vista de crescimento, quanto mais o Motivador estiver consciente dos seus talentos e defeitos maior será o equilíbrio alcançado entre eles.

 

Talentos: foco nos objectivos, trabalham para a concretização

 

Defeitos: demasiado foco nos seus resultados, foco nas suas conquistas esquecendo-se muitas vezes do outro.

 

TIPO 4 – O Romântico

 

O tipo 4 é um apaixonado, um idealista. Tudo deve ser vivido com intensidade. Ele acredita que para ser amado, respeitado e aceite ele tem que ser único e especial, diferente de todos os outros.

 

Talentos: procura ser o seu melhor eu, excelente líder, preocupação com causas nobres

 

Defeitos: comparar-se com os outros.

 

 

TIPO 5 – Analítico

 

O tipo 5 é um pensador. Ele acredita que para ser amado, respeitado e aceite ele tem que ter o menos de interferência emocional possível. Pois, necessita de toda a energia para analisar pragmaticamente todas as situações. Tem uma grande necessidade de preservar o seu espaço e de se sentir autónomo no processo de análise.

 

Talentos: perspicazes, objectivos, calmos nas crises.

 

Defeitos: reservados emocionalmente, contidos.

 

 

TIPO 6 – O Precavido

 

O tipo 6 acredita que para ser amado, respeitado e aceite ele tem que ser precavido. Quando olhamos para este tipo de personalidade, tendemos a conecta-lo de pessimista, isto porque o tipo 6 antecipa cenários, antes de tomar uma decisão analisa primeiro quais sãos os prós e os contras. Nos prós: está tudo bem, no entanto, se encontra alguns contras, precisa de analisar calmamente cada um deles.

 

Talentos: Estrategas, responsáveis, comprometidos

 

Defeitos: Ansiosos, preocupados, focam-se em cenários negativos

 

 

TIPO 7 – O Entusiasta

 

O tipo 7 gosta de ver os aspectos positivos da vida. Quando algo falha, tende a retirar todas as explicações e conclusões positivas. Ele acredita que para ser amado, respeitado e aceite ele tem que ter liberdade.

 

Talentos: Positiva, criatividade, espontaneidade, multi-tasking

 

Defeitos: Dispersa energia, falta de foco, impulsivos.

 

 

TIPO 8 – O Controlador

 

O tipo 8 acredita que para ser amado, respeitado e aceite ele tem que ter controlo. O Controlador tem uma preocupação grande de ser directo e frontal porque quer ser verdadeiro e honesto na sua abordagem. No entanto, muitas vezes tendem a defini-lo como sendo “bruto” ou “arrogante”. O seu desejo é que todas as pessoas fossem como ele, assertivas nas suas abordagens.

 

Talentos: Assertivos, autoconfiantes e directos.

 

Defeitos: Impacientes, insensíveis e autoritários

 

 

TIPO 9 – O Harmonioso

 

O tipo 9 acredita que para ser amado, respeitado e aceite ele tem que ter harmonia. Para O Harmonioso é muito difícil dizer que não, ele percepciona isso quase como sendo um conflito.

 

Talentos: Afáveis, pacientes, carismáticos

 

Defeitos: Indecisos, indirectos e apáticos.

 

 

Nós passamos mais tempo a olhar para as outras pessoas do que para nós. O eneagrama muda este jogo, pois começa por nos convidar a olhar para nós, a perceber quais são os nossos talentos naturais, o que são defeitos naturais, como é que nós lidamos com o nosso mundo e só depois é que nos ajuda a compreender como é que o mundo das outras pessoas funciona e como é que nós podemos interagir com elas.

 

Dias 7, 8, 9 e 10 de Junho acontece o SECRET CODE – um evento de 4 dias onde vou falar presencialmente e somente sobre relações. Este é um programa destinado a Coaches, Terapeutas, Líderes Empresariais, Pais Conscientes e Todos os Interessados a Melhorar as suas Relações.

 

Estes 4 dias são cerca de 10 livros de Eneagrama vividos na prática, com um conhecimento que recordarás para sempre. Não só pela sua profundidade como pelas suas histórias reais, com personagens reais.

 

Se sentes que este é o momento para ir para um novo patamar na tua relação contigo e com os que mais amas sabe aqui como tudo vai acontecer.

SE GOSTOU, PARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp
Share on skype
Share on print