Aprende a transformar as tuas relações

Muitas vezes, quando falo sobre relacionamentos nas minhas sessões de Coaching, eu escuto invariavelmente pessoas a falarem do que não querem nas suas relações em vez de falarem daquilo que querem nas suas relações. O grande desafio passa por muitas vezes ajuda-las a procurar o que elas querem num relacionamento.

O meu grande objectivo é transformar a sua estratégia completamente viciada de procurar aquilo que não quer por aquilo que verdadeiramente quer.

 

PROCURA O QUE QUERES!

Sempre que te focas no que não queres, essa é a realidade que acabas por criar para ti. Por exemplo: não penses numa maçã azul. Conseguiste? Provavelmente não! Ainda que absurdo, a tua mente conseguiu criar essa imagem impossível. Os nossos pensamentos não distinguem com facilidade, para não dizer que não distinguem de todo, a palavra NÃO. Até porque não existe uma imagem para a palavra NÃO. Por isso, tudo o que colocas em negativa tende a ser uma imagem positiva, ignorando, desta forma, a palavra NÃO. Como consequência, sempre que pensas no que não queres numa relação, acaba por ser exactamente aquilo que acabas por atrair na relação. Porque é o que procuras!

 

Por isso, se queres um relacionamento novo na tua vida, se queres que a tua relação entre num novo nível de harmonia, investe a tua energia naquilo que tu queres, coloca na tua mente as imagens que desejas que aconteçam e não aquelas que temes ou que não desejas que aconteçam.  O risco é que a tua mente, ainda que inconscientemente, se foque naquilo que não queres, e te traga para a tua Vida aquilo que não precisas.

 

NÃO TE ESQUEÇAS DE TI!

Quando procuras as causas dos problemas nas tuas relações, talvez comeces por tentar encontrar as falhas nos outros, na forma como comunicam, na forma como não comunicam, as suas motivações mais maliciosas, o facto do outro não querer o melhor da relação. E, por isso, acabas muitas vezes por esquecer a coisa mais importante: TU!

 

Quem apenas tenta compreender o mundo exterior, muitas vezes acaba por se perder nele. E nesta perdição esquecemos-nos de alguém muito importante: o nosso próprio EU! Na verdade, quem se conhece mais a si mesmo, julga menos as outras pessoas porque compreende que todos somos imperfeitos. No entanto, compreender mais sobre nós pode também ser a chave para nos amarmos mais e respeitarmos mais quem verdadeiramente somos e como somos.

Compreender os nossos talentos é a única forma de os preservarmos, porque nos admiramos e defendemos-nos sempre que necessário. Seja perante o nosso crítico interno, seja perante outra pessoa numa relação. Seja qualquer que seja a situação. Conhecer mais quem somos é a chave para lidar com as nossas emoções de uma forma saudável. De forma a que se revelem e que possamos compreender e aceitar.

 

A IMPORTÂNCIA DO MAPA

Eu acredito que a melhor forma de nos conhecermos é através de um sistema integral, através de um sistema que compreenda a nossa forma de pensar, a nossa forma de sentir, a nossa forma de agir. Que antecipe as nossas reacções com as outras pessoas e que antecipe a forma como defendemos muitas vezes coisas que não são assim tão importantes. Assim como deixamos escapar outras vezes coisas que nos são essenciais.

 

Existe muitas formas de o fazer, de compreender este mapa, eu confio especialmente no mapa do Eneagrama. Ele tem-me permitido a mim e a centenas de clientes com quem tenho trabalhado a dar esse passo essencial de se conhecerem mais profundamente e de se reconhecerem mais honestamente. E assim é possível criar relacionamentos mais harmoniosos. Eu acredito verdadeiramente que quando as nossas relações estão em equilíbrio, estamos mais preparados ou mesmo disponíveis para termos mais sucesso pessoal, mais sucesso financeiro, mais sucesso profissional.

 

Para não ficarmos apenas na teoria quero que faças um exercício: agarra numa folha de papel e numa caneta e escreve para ti como seria a tua relação ideal. Qual seria o cenário que te faria sentir com uma enorme alegria no teu relacionamento mais íntimo? O que faria de ti uma pessoa ainda mais harmoniosa nos relacionamentos?

 

Se te identificaste com este texto, se o exercício fez sentido para ti, então tenho uma pergunta para te fazer: E se fosse possível viveres intensamente o Eneagrama durante 4 dias e descobrisses no final que tinhas aprendido o equivalente a mais de 10 livros e ao mesmo tempo transformasses a tua vida, tanto pessoal como profissional? Era incrível, não era?

 

Se a tua resposta foi sim, eu quero fazer-te um convite: Nos próximos dias 7, 8 9 e 10 de Junho, junta-te a mim no SECRET CODE! São 4 dias, que acontecem 1 vez por ano, e que vão mudar literalmente a tua vida e revolucionar as tuas relações. Não percas a oportunidade de ter nas tuas mãos, um mapa que te permitirá assumir definitivamente o controle das tuas relações e inscreve-te no evento do ano! Vemo-nos lá?

SE GOSTOU, PARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp
Share on skype
Share on print